• A ControlLab vem investido cada vez mais, em tecnologia para inovar e disponibilizar para os usuários ensaios de proficiência por microscopia digitalizada. Esta tecnologia é um bom aliado e viabiliza programas em áreas onde há escassez de matéria prima. Possibilita ampliar a variabilidade de casos.
    Por estes benefícios a ControlLab adquiriu, implementou e operacionalizou esta tecnologia de ponta para a digitalização de materiais em múltiplas áreas que fazem uso da microscopia ótica. Trata-se de uma iniciativa que poucos provedores no mundo possuem por seu elevado custo, embora já esteja cada vez mais sendo utilizada para viabilizar ensaios de proficiência mais ricos (ampliar os casos disponibilizados e as áreas atendidas).
    Em dezembro/2011, os primeiros casos em diferentes áreas foram disponibilizados para teste e validação dos participantes. O resultado foi excelente em praticamente todas as áreas que se emprega o microscópio ótico.
    A ferramenta é simples, mas é imprescindível ler este documento para facilitar sua adaptação.
  • Este livro infantil foi escrito por Vanessa Maia, com apoio da Fundação Pró-Hemorio e o patrocínio da ControlLab.
    Trata-se de uma obra dirigida às crianças, para ajudá-las a entender a importância do exame e a superar os medos relacionados ao momento da coleta. Os adultos também são convidados à leitura para ajudarem os pequenos pacientes a passarem por esta experiência.
  • Gestão da Fase Analítica do Laboratório - Como assegurar a qualidade na prática
    Esta coleção editada pela ControlLab a partir de 2010, é organizada por Carla Albuquerque e Maria Elizabete Mendes, em colaboração com profissionais atuantes em destacados serviços de Medicina Laboratorial nacionais.
    O objetivo da ControlLab é oferecer informações e compartilhar experiências com gestores e profissionais de laboratório. O livro busca suprir uma demanda por literatura nacional relativa à gestão da fase analítica do laboratório, que passa por uma rápida evolução dos processos e necessita de um melhor preparo dos profissionais e adoção de ferramentas de gestão eficazes para assegurar a qualidade dos resultados.
    Os capítulos são estruturados com aspectos teóricos e abordados de maneira objetiva. Os processos são descritos apontando na prática como realizar as tarefas necessárias, com exemplos obtidos a partir de rotinas diagnósticas.
    • seleção e qualificação de sistema analítico,
    • validação de processos,
    • equiparação de sistemas analíticos,
    • comparação intralaboratorial em microscopia e
    • indicadores de desempenho.
     
    • especificação da qualidade,
    • ensaio de proficiência,
    • controle interno,
    • controle de processo automatizado e
    • água reagente.
     
    • controle de processo em coagulação,
    • controle de processo em gasometria,
    • controle de processo em hematologia ,
    • controle de processo em parasitologia,
    • controle de processo em urinálise,
    • métricas do controle de processos.
  •  
    Abaixo são disponibilizados alguns roteiros, planilhas e informações para a aplicação prática dos temas.
  • Gibi de Controle de Qualidade - 2007
    O Gibi conta com a colaboração de dois meninos-prodígio - Preciso e Exatinho - para apresentar, de forma simples e divertida, fundamentos, aplicação e práticas de controle interno da qualidade e ensaio de proficiência (controle externo da qualidade).
    A história em quadrinhos é complementada por formulários que podem ser utilizados para o monitoramento dos resultados do controle.
  • Apresentamos neste manual o conceito do ‘5S’ e um roteiro para sua implantação. Fundamentado em cinco regras básicas e com objetivo inicial de combater as perdas e os desperdícios nas indústrias, este programa promove uma intensa mobilização e educação, aguçando o senso de observação de causas e origens de problemas de todos os envolvidos.
  • Desmistifique a Calibração e descubra as vantagens deste investimento.
    Nesse manual você vai saber os conceitos básicos da Calibração, como: o que é, para que serve, como aprovar instrumentos, definir período de intervalo entre as calibrações, elaborar plano calibração, etc. Uma ótima oportunidade para você desmitificar a calibração!
  • Imprima você mesmos as suas placas: sinalização de comando, sinalização de risco, sinalização de segurança, sinalização de proibição e sinalização de alerta.
 
Sistema de Provas Online
 

Encontros Online
 

Casos digitalizados