Controllab e Matrix: parceria em benefício das rotinas laboratoriais

A parceria entre os players vislumbra melhorias para as rotinas de controle de qualidade dos laboratórios.

Controllab – maior provedor de Controle de Qualidade Laboratorial do Brasil e da América Latina – atua há 43 anos com informações para aumentar a confiabilidade dos laudos em mais de 3.000 laboratórios distribuídos em diversos continentes.

Esse know-how em qualidade foi enriquecido com a parceria da Matrix – líder brasileira em Automação Laboratorial, empresa nacional com quase 40 anos de desenvolvimento de softwares para a área da saúde.

Tanto a Controllab quanto a Matrix são empresas muito relevantes e consolidadas no segmento diagnóstico. A cooperação entre as soluções de ambas traz aos laboratórios mais qualidade e produtividade nas análises, ajudando-os a assegurar a credibilidade dos seus processos e exames.

O laboratório utiliza o Controle de Qualidade (CQ) para maior confiabilidade nas análises. Além de ser uma exigência da Anvisa (RDC 302:2005), o CQ é pré-requisito para certificações e acreditações em qualidade. Mas os benefícios da prática transcendem a obrigatoriedade, visto que adotá-la na rotina analítica contribui para obtenção do reconhecimento de médicos e pacientes quanto à qualidade dos laudos emitidos.

O CQ é composto por múltiplas ferramentas de monitoramento. Alimentar cada uma delas com dados e informações inseridas manualmente requer muito esforço e tempo das equipes envolvidas. Erros nessa etapa podem se traduzir em aprovações ou rejeições incorretas, podendo até mesmo impactar no laudo do paciente e, consequentemente, na credibilidade do laboratório.

Com o objetivo de minimizar esses impactos, os sistemas de automação e gestão têm desempenhado papel importante na preservação da credibilidade dos laboratórios. Os sistemas são customizados para atender a todos os portes e tipos de laboratórios.

Parceria que facilita e agrega agilidade aos processos

Visando a simplificação da coleta padronizada de dados e a otimização de tempo e recursos do laboratório, a Matrix uniu o sucesso da sua especialização em informatização dos laboratórios ao know-how do controle de qualidade da Controllab, disponibilizando a integração das suas soluções com o Controle Interno e o Benchmarking de Indicadores do provedor.

Essa cooperação resulta em mais agilidade e confiança nos processos de qualidade dos laboratórios. Ao integrar o sistema laboratorial com as soluções da Controllab, os esforços das equipes laboratoriais se concentram na análise e tomada de decisão dos dados transmitidos automaticamente para as ferramentas de qualidade.

Como foi o caso do Laboratório Unimed Volta Redonda, que no último mês concluiu a integração do CI ONLINE (Controle Interno) e PBIL (Programa de Benchmarking de Indicadores Laboratoriais) com o sistema de gestão da Matrix.

Principais ferramentas de Controle de Qualidade (CQ)

O CQ é essencial para o funcionamento e crescimento de um laboratório. Entre as ferramentas que o compõe, destacam-se o Ensaio de Proficiência (EP) e o Controle Interno (CI). O EP e o CI possuem funções complementares e, juntos, têm o propósito central de identificar a presença de possíveis erros analíticos, possibilitando ao laboratório a implantação de ações para eliminar as causas dos mesmos.

O Ensaio de Proficiência realiza um acompanhamento das tendências dos processos (inexatidão), comumente relacionadas a características de linearidade, especificidade, sensibilidade, interferentes e calibração.

Já o Controle Interno, é aplicado em conjunto com a rotina de análise de amostras dos pacientes para validar os resultados produzidos após identificar que o sistema analítico está operando dentro dos limites de tolerância pré-definidos, especialmente a precisão do processo (reprodutibilidade).

parceria

Além dessas duas ferramentas essenciais, é necessário medir e comparar a performance do laboratório com o desempenho do mercado. Essa comparação ajuda o laboratório na sustentabilidade e melhoria dos processos. Por isso, o uso dos Indicadores Laboratoriais é amplamente difundido no segmento. Os indicadores são um retrato do desempenho do laboratório e servem para mensurar o quanto a performance está competitiva, sendo fundamental associá-lo ao benchmarking.

benchmarking oferece evidências concretas do desempenho do processo frente ao mercado. Nele há uma comparação entre empresas do mesmo setor para mensurar o desempenho dos processos e serviços entre os participantes.

Em meio a cenários de crise – como a pandemia da Covid-19 – que provocam a adequação das equipes, contar com ferramentas de qualidade integradas ao sistema laboratorial é um auxílio precioso para os laboratórios a fim de que possam se adaptar com mais rapidez às novas realidades, com mais confiança e mantendo a credibilidade dos seus processos.

Para informações sobre como integrar o sistema de gestão do laboratório aos programas de qualidade da Controllab, entre em contato com a Matrix pelo site ou telefone (11) 3055-7250.

Mais detalhes sobre as soluções de Controle de Qualidade da Controllab podem ser solicitados pelo e-mail contato@controllab.com ou pelos telefones e WhatsApp (21) 97901-0310 e (21) 98036-1592.

Assine nossa newsletter

Receba publicações relevantes sobre laboratório e soluções para 
gestão da qualidade.

ENTRAR
AVISO DE COOKIES

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência, possibilitando uma navegação mais personalizada, de acordo com as características e o seu interesse.

Para mais informações consulte a nossa Política de Privacidade e Segurança.

PRM 0009

Acreditação Cgcre/Inmetro - Produtor de Material de Referência Certificado

A Controllab é acreditada como Produtor de Material de Referência Certificado (MRC) desde 2016 pela Coordenação Geral de Acreditação (CGCRE), do Inmetro, sob o n.º PMR 0009. A avaliação dessa conformidade é realizada conforme os requisitos estabelecidos nas normas ABNT NBR ISO 17034 e Inmetro, garantindo assim a competência para a produção dos MRC, conforme Escopo de Acreditação.

Esta acreditação atesta a competência técnica da Controllab em produzir MRC, conforme requisitos internacionais e a habilita para ser reconhecida em outros países, conforme acordos de reconhecimento mútuo, estreitando as barreiras técnicas entre o Brasil e os outros países dos Continentes.