NCTC, a coleção de culturas mais renomada da Europa, está disponível na América Latina

NCTC, coleção de culturas

A PHE – Public Health England conferiu à Controllab o reconhecimento de competência técnica e de capacidade compatíveis com a coleção de culturas licenciadas.

As coleções de culturas são recursos valiosos que possuem o objetivo de preservar, identificar, catalogar e distribuir as linhagens nelas depositadas para uso em controle de qualidade, suporte à pesquisa científica, estudos epidemiológicos, bem como ao desenvolvimento e produção de bioprodutos, vacinas e medicamentos.

Na rotina dos laboratórios de análises, as cepas de referência são fundamentais para o controle de qualidade dos insumos utilizados nos exames de diagnóstico clínico, veterinário, nas análises microbiológicas de alimentos, água, produtos farmacêuticos e meio ambiente. Também são de grande importância para realização dos estudos de validação de métodos analíticos e determinação da incerteza de medição.

Atualmente existem 802 coleções de culturas em 78 países e regiões* registradas no WDCM (World Data Center for Microorganisms), um banco de dados internacional que agrupa as cepas em um sistema único de identificadores, facilitando o cruzamento de informações sobre as cepas de referência recomendas para uso na garantia da qualidade. Nele, é possível verificar que a mesma cepa tem uma designação diferente em cada coleção de cultura. Por exemplo, a cepa Escherichia coli NCTC 11954 é também designada ATCC 35218, CIP 102181, DSM 5923, CCUG 30600, CECT 943 dependendo da coleção de cultura.

Entre as principais coleções, destaca-se o NCTC (National Collection of Type Cultures), que é a coleção para bactérias mais antiga em todo o mundo, fundada em 1920. Hoje, essa coleção está disponível para todo o Brasil e outros países da América Latina, por meio da parceria firmada entre a Controllab e a PHE – Public Health England.

A parceria foi iniciada em 2019, mediante o licenciamento para a Controllab das coleções NCTC (National Collection of Type Cultures), NCPV (National Collection of Pathogenic Viruses) e NCPF (National Collection of Pathogenic Fungi).

Inicialmente, mais de 60 cepas (entre bactérias e fungos), foram disponibilizadas exclusivamente pelo Programa CEPAS CONTROLE que envia cepas para pronta entrega na quantidade definida pelo laboratório, a partir dos microrganismos selecionados.

Em uma evolução natural do processo produtivo da Controllab, que aplica a mesma qualidade em sua produção – independentemente do reconhecimento do material, as cepas obtiveram a chancela da ABNT NBR ISO 17034 e atualmente a maioria delas estão disponíveis como MRC – Material de Referência Certificado.

Maior provedor de controle de qualidade do Brasil e da América Latina, a Controllab dispõe de um know how único em soluções para o controle de qualidade laboratorial, tendo a sua competência técnica certificada pelos reconhecimentos ISO 9001, 17025, 17034 e 17043, Habilitação Anvisa/ Reblas, BPF e pelo apoio exclusivo de importantes sociedades científicas.

Ser licenciada PHE é mais um reconhecimento da competência técnica da Controllab, visto que esse processo valida a capacidade técnica e estrutural do representante em reproduzir com a mesma qualidade que a marca licenciadora.

Disponibilizar as cepas liofilizadas para fornecimento imediato e com o reconhecimento da ABNT NBR ISO 17034, está alinhado com a missão Controllab em prover continuamente as melhores soluções para o controle de qualidade laboratorial. Essa solução permite aos laboratórios manter-se sustentável com otimização dos recursos para inserir mais rastreabilidade e confiabilidade no seu processo analítico.

“Receber as cepas de referência liofilizadas certificadas, a um custo compatível com a realidade do país e com a periodicidade definida pelo laboratório é de um valor inestimável para a Microbiologia no Brasil e na América Latina”, comenta Jorge Sampaio, professor de Microbiologia Clínica da Faculdade de Ciências Farmacêuticas da Universidade de São Paulo e médico responsável pelo Setor de Microbiologia do Fleury Medicina Diagnóstica.

Além do Brasil, podem se beneficiar dessa iniciativa os países: Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Suriname, Uruguai e Venezuela. Para saber mais sobre o MRC Culturas de Referência Qualitativa e o Programa CEPAS CONTROLE, que permite ao laboratório ter mais tempo para se dedicar às análises dos exames, com um processo de controle de qualidade mais prático e com uso reduzido de recursos da infraestrutura,  acesse o site da Controllab.

* Conforme consulta ao  http://www.wfcc.info/ccinfo/statistics em 15/02/21.

Notícias relacionadas

Assine nossa newsletter

Receba publicações relevantes sobre laboratório e soluções para 
gestão da qualidade.

ENTRAR

acesso ao sitema

Estamos enfrentando alguns problemas de acesso ao sistema, pedimos a compreensão de todos. Tente novamente em alguns minutos.

AVISO DE COOKIES

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência, possibilitando uma navegação mais personalizada, de acordo com as características e o seu interesse.

Para mais informações consulte a nossa Política de Privacidade e Segurança.

PRM 0009

Acreditação Cgcre/Inmetro - Produtor de Material de Referência Certificado

A Controllab é acreditada como Produtor de Material de Referência Certificado (MRC) desde 2016 pela Coordenação Geral de Acreditação (CGCRE), do Inmetro, sob o n.º PMR 0009. A avaliação dessa conformidade é realizada conforme os requisitos estabelecidos nas normas ABNT NBR ISO 17034 e Inmetro, garantindo assim a competência para a produção dos MRC, conforme Escopo de Acreditação.

Esta acreditação atesta a competência técnica da Controllab em produzir MRC, conforme requisitos internacionais e a habilita para ser reconhecida em outros países, conforme acordos de reconhecimento mútuo, estreitando as barreiras técnicas entre o Brasil e os outros países dos Continentes.

CAL 0214

Acreditação Cgcre/Inmetro - Laboratório de Calibração

Em dezembro de 2002, o Laboratório de Calibração foi acreditado pela Coordenação Geral de Acreditação (CGCRE) do Inmetro. Com esse reconhecimento, tornou-se parte integrante da rede brasileira de laboratórios acreditados, sob o nº214. Desde então, é avaliado periodicamente para a manutenção e/ou extensão da acreditação.

O selo do Inmetro atesta competência técnica, credibilidade e capacidade operacional da Controllab para os serviços de calibração, conforme requisitos da ABNT NBR ISO/IEC 17025.

PEP 0003

Acreditação Cgcre/Inmetro - Laboratório de Controle

Em setembro de 2011, a Controllab foi acreditada pela Coordenação Geral de Acreditação (CGCRE) do Inmetro como provedor de ensaio de proficiência, sob o nºPEP0003. Inicialmente dentro de um projeto piloto do Inmetro, esta acreditação baseou-se na ILAC G13: 2007 e incluiu diversos ensaios clínicos e de hemoterapia. Nas avaliações periódicas desta acreditação novos segmentos e ensaios são incluídos e a avaliação passa a ser conduzida segundo a ABNT NBR ISO/IEC 17043.

Esta acreditação atesta a competência técnica da Controllab em desenvolver e conduzir ensaios de proficiência conforme requisitos internacionais e a habilita reconhecida em outros países, conforme acordos de reconhecimento mútuo firmados pelo Brasil no Mercosul, Américas e Europa.